2012 na Liga do Trauma

Estamos em processo de ajustar alguns detalhes na nossa agenda final, preparando excelentes cursos para os 2 semestres de 2012. Temos recebido várias perguntas, e-mails e comentários perguntando sobre a nossa programação, então aguardem só mais algumas semanas e estaremos com um material super novo.

Postaremos as novidades em breve aqui pra vocês!

Enquanto isso não acontece, retomamos as nossas atividades na UFCSPA. Foi iniciado o MÓDULO DE PRIMEIROS SOCORROS, nesta sexta-feira, dia 23/03. Nosso público chegou a quase 300 pessoas, e estamos extremamente felizes com a previsão desse curso.

O módulo é faz parte de um programa de 3 cursos, começando na abordagem de primeiros socorros (1 semestre de duração), atendimento pré-hospitalar (1 semestre), e terminando no atendimento pré-hospitalar (1 ano).

A grande novidade desse ano, é que conseguimos abrir o Módulo de Primeiros Socorros para estudantes da área de saúde de outras universidades da região de Porto Alegre.

Bonito né?

 

O que é o evento?

O 1° Dia do Trauma foi construído apoiando-se em 2 motivações distintas. A primeira, na forma de um grande espaço para a nossa comemoração de 10 anos de trabalho, existência e formação acadêmica. A segunda, criando mais uma oportunidade de espalhar informação, treinamento e conhecimento em mais um grande curso organizado pela nossa Liga.

Desde sua criação em 2001, a Liga do Trauma vem fazendo parte da Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre, em uma relação estreita de docência, com o objetivo de aprofundar e aprimorar os conhecimentos frente ao paciente no estado crítico.

Em 2001, o cenário da nossa Universidade era outro. Aprendemos desde muito cedo a entender o paciente na sua anatomia, fisiologia e no processo de doença. Mas e quando a doença é imediata? O que devemos fazer quando o paciente doente corre risco de morte?

O Trauma é uma doença, que tem prevenção e tratamento. O paciente crítico do trauma enfrenta situações de urgência e até mesmo risco de morte, que devem ser manejadas rapidamente, com destreza e conhecimento. Até 2001, a nossa Universidade não tinha um espaço dedicado a introduzir e abordar o Trauma com a importância que lhe é devida.
Então quando é que começamos a aprender a lidar com esse momento? A lidar com o imediato, usando a precisão?

Embora este cenário já faça parte do nosso passado, ainda é presente em diversas Faculdades de Medicina de todo o país: o Trauma precisa de cuidados, e precisamos aprender a manejá-lo na nossa prática de Médicos, Enfermeiros, Auxiliares, Socorristas e toda uma equipe multidisciplinar.

Com essa motivação principal, há 10 anos foi criada a Liga do Trauma. Formada de acadêmicos, e para acadêmicos, a Liga nasceu de uma vontade de ensinar e aprender o Trauma. Em 2003, graças a esta boa intervenção, foi instituída a disciplina de Medicina de Urgência e Trauma, que funciona até hoje com uma parceria simbiótica com a Liga do Trauma.

De lá pra cá, foram inovações atrás de inovações, multiplicando as nossas ações dentro e fora da universidade. Criação de cursos, simpósios e oficinas marcam uma trajetória sólida e crescente, agora abordando não somente a Medicina, como todas as áreas de atuação, com foco multidisciplinar no atendimento pré e intra-hospitalar.

E agora, você está convidado para se juntar a nós em mais um grande curso de extensão.

A diferença, é que este é em clima de aniversário.